Previous Next

No âmbito do projeto Parlamento dos Jovens, realizaram-se duas palestras subordinadas ao tema “Saúde mental dos jovens - que desafios? Que respostas?”, nos passados dias, 15 de novembro de 2022 e 13 de dezembro de 2022, pelas 10h. na EB Conde de Arnoso e pelas 11h30 na EB Dª Maria.

            Quisemos que as palestras tivessem oradores com visões diferentes sobre o tema em análise, tendo a escolha recaído sobre a Dr.ª Tânia Pinto (Psicóloga clínica na Unidade de Crianças e Adolescentes do Serviço de Consultas da Faculdade de Psicologia da Universidade Porto) e o Dr. Pedro Oliveira (Vereador do Desporto, Associativismo e Cultura na Câmara Municipal de Famalicão). Participaram nesta atividade alunos de várias turmas do 2º e 3º ciclos de escolaridade. Esta foi uma oportunidade de, através de diferentes perspetivas, educar para a cidadania, estimulando o gosto pela participação cívica e política; promover o debate democrático e o respeito pela diversidade de opiniões; incentivar a reflexão e debate sobre o tema e estimular a capacidade de expressão e argumentação.

Os alunos demonstraram muito interesse e motivação através de uma participação dinâmica ao longo das sessões.

 

Previous Next

As turmas do 7.ºJ, 7.ºH e 9.ºJ estiveram envolvidas num espetáculo imersivo, na Casa das Artes de Vila Nova de Famalicão, no passado dia 14 de dezembro.

 

Três atores do Teatro da Didascália protagonizavam uma banda rock e os alunos, em palco, vibraram com sons, palavras e gestos. O cantor estava acompanhado por uma baterista mulher e por um guitarrista homem e nos intermezzos das cantigas vinha a História do rock.

Ficaram os nomes de algumas bandas e outras tantas pessoas e o cantor associou ao rock a liberdade e a luta, uma ânsia e uma gralha (o pássaro!) …

Nesta Escola fora de portas, alunos e professores saem da sala de aula… fazem um desvio da rotina diária da escola para ir ao encontro do enriquecimento pessoal e vivencial, deixando invadir-nos pela arte, pela informalidade, espontaneidade e cidadania!

 Maria José Morais

Previous Next

Os alunos das turmas I, J e L do 9.º ano da Escola Básica Conde de Arnoso do Agrupamento D. Maria II assistiram ao documentário "Viagem ao Sol", no dia 2 de dezembro, na Casa das Artes, em Famalicão.

                Esta atividade, integrada no programa educativo e cultural “De Famalicão para o Mundo”http://www.famalicaoeducativo.pt/_de_famalicao_para_o_mundo_contributos_da_historia_local enquadra-se no Projeto Interdisciplinar Interculturalidade, em que os alunos estão envolvidos, bem como as professoras de Cidadania e de Português, em articulação com o Projeto Cultural de Escola.

                Antes do visionamento do documentário, o realizador lançou um desafio a todos: 3 perguntas a que teriam de responder no final!

                Houve consenso em relação ao valor desta iniciativa que levou os alunos ao encontro de testemunhos, experiências, emoções e afetos reais e vivenciados em tempos de guerra, como os atuais! Levou-os ao SER! Ainda a distância e a superação protagonizadas por crianças que surgiram na tela como adultos sintonizou-os com o FAZER e SABER FAZER, isto é, com os podcasts que estão a realizar a partir da Exposição “Crianças Cáritas – do Mundo para Famalicão” que esteve, em setembro, na biblioteca da escola.

                Esta foi uma viagem que conecta a educação com a vida que pulsa do lado de fora!

                Alunos e a professora de Português

Previous Next

O Dia Internacional dos Direitos Humanos é comemorado anualmente a 10 de dezembro, em virtude da adoção pela Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas da Declaração Universal dos Direitos Humanos, em 1948. Esta declaração teve como objetivo promover a paz e a preservação da humanidade, após os conflitos da 2ªGuerra Mundial.

A data é assinalada com o intuito de promover a defesa dos Direitos Humanos por todo o mundo, independentemente da raça, cor ou religião, do género, da língua, opinião política, da sua origem nacional ou social.

Para comemorar este dia os alunos do 3º ciclo da Escola Básica Conde de Arnoso ilustraram, na disciplina de Geografia e em articulação com o Clube Europeu, uma T-shirt alusiva aos Direitos Humanos. Estas T-shirts deram origem a um estendal que se encontra exposto nos corredores da escola.

Previous Next

O Agrupamento de Escolas D. Maria II realizou, no passado dia 9 de novembro, no belíssimo cenário do Parque da Devesa de Vila Nova de Famalicão, o seu 30.º Corta-Mato Escolar.

            Este ano o 1.º ciclo esteve de regresso, após o “intervalo” forçado devido à pandemia. Apesar dos dias chuvosos que se estenderam até à madrugada do dia do evento, cerca de 700 alunos do 1.º, 2.º e 3.º ciclos participaram entusiasticamente, abrilhantando este marcante evento desportivo.

            A prova, organizada pelo Grupo Disciplinar de Educação Física do AE D. Maria II, contou mais uma vez com a importante colaboração da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, dos elementos do programa Corre Famalicão, da Associação de Atletismo de Braga, da CLDE de Braga, dos Bombeiros Voluntários Famalicenses, da Polícia Municipal, do Parque da Devesa e do Centro de Formação Desportiva de Atletismo também do AE D. Maria II.

            Além da promoção de hábitos de vida saudáveis aos nossos jovens, para que cresçam de forma harmoniosa, este evento proporcionou, também, uma manhã desportiva de excelência, vivenciada entre todos num agradável convívio e fortalecendo a articulação entre os ciclos de ensino do Agrupamento. Permitiu ainda o apuramento de vários jovens atletas de cada escalão etário e sexo para representarem o Agrupamento no Corta-Mato Distrital, a realizar no dia 17 de fevereiro de 2023, em Vizela. Sem dúvida, este tipo de atividades constituem um significativo contributo para o desenvolvimento integral dos alunos e um importante impulsionador do seu sucesso educativo.

            O grupo de Educação Física agradece a todos os alunos, professores, assistentes operacionais e colaboradores que de alguma forma contribuíram para o sucesso desta magnífica atividade. Um agradecimento muito especial aos alunos colaboradores, do 9.º ano, pelo seu empenho para que tudo corresse da melhor forma.

Pág. 1 de 4