Previous Next

Os alunos do pré-escolar e do 1.º ciclo da EB Louro/Mouquim dinamizaram a atividade Cantar de Reis/Chá dos Avós, no dia 23 de janeiro, no Centro Paroquial do Louro, para todos os seus avós. 

Os alunos cantaram os Reis e dançaram músicas tradicionais e populares portuguesas, procurando relembrar as tradições da juventude dos seus avós. 

No final das atuações, a Associação de Pais da escola ofereceu um bolo comemorativo a todos os presentes. 

            Este primeiro encontro intergeracional, após a pandemia, foi realizado, não na escola, como era habitual, mas no Centro Paroquial do Louro, para que todos os avós pudessem assistir ao espetáculo com maior conforto e visibilidade. 

            Como sempre, foi grande a adesão dos Avós, que foram agraciados com uma pequena lembrança elaborada pelos seus netinhos. 

            A escola agradece a colaboração sempre presente da Associação de Pais e de toda a comunidade escolar e educativa, na realização desta atividade, que já faz parte do ADN da mesma. 

            Um agradecimento especial à professora de Danças Urbanas das AEC, Joana Claro, que coreografou e ensaiou as danças apresentadas por todas as turmas do 1.º ciclo e aos professores de Música do CCM, Ana Maria e João Paulo Guedes, que trabalharam e acompanharam os alunos dos 3.º e 4.º anos, na apresentação de canções de Reis. 

            Um encontro de gerações unidas pelo carinho, pelo afeto, pelo amor imenso de avós e netos. 

A Coordenadora de Escola,

Assunção Santos

Previous Next

            A Biblioteca Escolar (BE) da Escola Básica de Vale S. Cosme foi um sonho há muito sonhado e finalmente concretizado.

            A inauguração da BE de Vale S. Cosme, ocorreu no dia 10 de janeiro de 2023, pelas 11h30m.  Assim, foram convidados para a inauguração todos os parceiros envolvidos na concretização deste objetivo da comunidade escolar e que embelezaram, ainda mais, este dia. A saber: Rede de Bibliotecas Escolares; Agrupamento de Escolas D. Maria II; Câmara Municipal de Famalicão; Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco; Junta de Freguesia de Vale S. Cosme e Associação de Pais.

            O tão ansiado ato do descerrar da placa de inauguração foi protagonizado pelo Sr. Presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Dr. Mário Passos e pelo Presidente da União de Freguesias, Bernardino Martins.

            A abrilhantar a cerimónia, entre músicas, cânticos e declamação de poemas pelos alunos do pré-escolar e 1.º ciclo da escola, pairava um ar de alegria e um clima de felicidade.

            Para finalizar o agradecimento à Associação de Pais pela oferta dum espetacular acrílico que perpetuará este dia e à Biblioteca Itinerante que se deslocava à escola para levar os livros e a leitura aos alunos, serviço prestado pela conhecida “carrinha amarela” da Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco.

Bem Hajam! Muito Obrigado!

O Professor Bibliotecário

Rui Soares

 

Previous Next

A 23 de novembro, comemora-se o Dia da Floresta Autóctone. Esta data é a mais adequada para a sementeira ou plantação de árvores, de acordo com as condições climatéricas dos países mediterrânicos, como é o caso de Portugal, constituindo uma alternativa ao Dia Mundial da Floresta (21 de março), criado inicialmente para os países do Norte da Europa.

            Para assinalar a data e reforçar a importância de uma floresta resiliente e resistente, o projeto Eco-Escolas da Escola Básica Conde de Arnoso, representado pelos alunos 1.º ciclo e pelos alunos do Jardim de Infância do Altinho, fizeram uma plantação de árvores autóctones. Foram plantados alguns carvalhos e medronheiros nos espaços escolares, cedidos pelo gabinete de sensibilização ambiental do município de Vila Nova de Famalicão.

            As florestas autóctones estão mais adaptadas às condições do solo e do clima do território; por isso, são mais resistentes a pragas, doenças, incêndios, longos períodos de seca ou de chuva intensa, em comparação com espécies introduzidas.

            Esta iniciativa tem como objetivo, não só o embelezamento dos espaços escolares, mas também promover a importância das florestas naturais, bem como a sua conservação, nomeadamente, das espécies que fazem parte do património natural.

 

A Equipa Eco-Escolas.

Previous Next

A magia do Natal acontece!

            Não foi o Pai Natal a oferecer os presentes de Natal, mas as crianças a presentear o “velhinho de barbas branquinhas” com os presentes solidários recolhidos na campanha realizada na EB Louro/Mouquim.

            A ideia era serem todos os alunos da EB Louro/Mouquim a deslocarem-se, de comboio, à cidade de Famalicão, "O Lugar do Natal", para oferecerem os presentes ao Pai Natal, na Cabana Solidária.

Tal não foi possível devido ao mau tempo, mas, os cinco meninos que estiveram com o Pai e a Mãe Natal, representaram os quase 200 alunos do pré-escolar e do 1.º ciclo que frequentam esta escola e que, em poucos dias, conseguiram recolher tantos presentes para os mais carenciados!

            Foi grande a generosidade dos pais dos alunos e, por isso, foi de coração cheio que depositaram os presentes de todos os alunos da escola, nos trenós do Pai Natal, com a esperança de que hão de alegrar muitos corações e fazer sorrir muitas crianças.

            A coordenação da escola agradece a todos os pais o elevado espírito de solidariedade, patente nas suas ofertas, à sra. Vereadora da Família, Dra. Sofia Machado Fernandes, pela sua presença neste momento solidário, à Associação de Pais da escola pela colaboração e disponibilidade que, mais uma vez, dispensou à escola e às suas iniciativas.

A coordenadora

Assunção Santos

Previous Next

A EB Louro/Mouquim foi, mais uma vez e pelo quinto ano consecutivo, distinguida pela Confederação Nacional das Associações de Pais (CONFAP) e a LeYa Educação com o Selo Escola Amiga da Criança, na 5ª edição da Iniciativa "Escola Amiga das Crianças", nas categorias  de “Família” e "Digital". 

                Esta iniciativa convida as escolas a dar a conhecer as suas ideias extraordinárias que concebem e concretizam, para melhorarem as suas condições de funcionamento, no sentido do desenvolvimento mais feliz da criança no espaço escolar e, na obtenção do selo, Escola Amiga da Criança.

                No âmbito desta iniciativa e (cor)respondendo ao desafio lançado, a EB Louro/Mouquim apresentou dois projetos, "Ler em Família" e "Mobile Learning com a BE", que foram distinguidos entre milhares de candidaturas de escolas de todo o país.

                Estes projetos foram implementados com os alunos, através da adoção de estratégias enriquecedoras e significativas, com o objetivo de promoção da leitura, da literacia digital e da formação integral dos alunos, em estreita ligação com a comunidade educativa, uma prática recorrente e que faz parte do ADN desta escola. 

                Parabéns a todos os professores, alunos e famílias, que tornaram possível a obtenção do Selo Escola Amiga da Criança 2021. 

 

A coordenadora 

Assunção Santos 

 

Pág. 1 de 3